Sobre o pálido ponto azul.

Sobre o pálido ponto azul.
"Nós podemos explicar o azul-pálido desse pequeno mundo que conhecemos muito bem. Se um cientista alienígena, recém-chegado às imediações de nosso Sistema Solar, poderia fidedignamente inferir oceanos, nuvens e uma atmosfera espessa, já não é tão certo. Netuno, por exemplo, é azul, mas por razões inteiramente diferentes. Desse ponto distante de observação, a Terra talvez não apresentasse nenhum interesse especial. Para nós, no entanto, ela é diferente. Olhem de novo para o ponto. É ali. É a nossa casa. Somos nós. Nesse ponto, todos aqueles que amamos, que conhecemos, de quem já ouvimos falar, todos os seres humanos que já existiram, vivem ou viveram as suas vidas. Toda a nossa mistura de alegria e sofrimento, todas as inúmeras religiões, ideologias e doutrinas econômicas, todos os caçadores e saqueadores, heróis e covardes, criadores e destruidores de civilizações, reis e camponeses, jovens casais apaixonados, pais e mães, todas as crianças, todos os inventores e exploradores, professores de moral, políticos corruptos, "superastros", "líderes supremos", todos os santos e pecadores da história de nossa espécie, ali - num grão de poeira suspenso num raio de sol. A Terra é um palco muito pequeno em uma imensa arena cósmica. Pensem nos rios de sangue derramados por todos os generais e imperadores para que, na glória do triunfo, pudessem ser os senhores momentâneos de uma fração desse ponto. Pensem nas crueldades infinitas cometidas pelos habitantes de um canto desse pixel contra os habitantes mal distinguíveis de algum outro canto, em seus freqüentes conflitos, em sua ânsia de recíproca destruição, em seus ódios ardentes. Nossas atitudes, nossa pretensa importância de que temos uma posição privilegiada no Universo, tudo isso é posto em dúvida por esse ponto de luz pálida. O nosso planeta é um pontinho solitário na grande escuridão cósmica circundante. Em nossa obscuridade, no meio de toda essa imensidão, não há nenhum indício de que, de algum outro mundo, virá socorro que nos salve de nós mesmos. (...)" Carl Sagan

sábado, 12 de novembro de 2016

Sobre os pobres velhos, feios e grossos, que, além de desrespeitosos e machistas, não diferenciam prostitutas, garotas de programa de cortesãs de LUXO!

Sobre os pobres velhos, feios e grossos, que, além de desrespeitosos e machistas, não diferenciam prostitutas, garotas de programa de cortesãs de LUXO!

Hoje meu dia prometia, mas toda acompanhante que não é zoófila, tem seus dias assim, "meia boca", como dizemos lá no RS.
Ontem um cidadão muito educado me ligou, mas notei algo: excesso de necessidade de me envaidecer, pois "ao contrário do anúncio das demais o meu é mais intenso e longo" (grande bosta, pensei!). 
Enfim, grande m**** de elogio, afinal só atendo clientes que, além de lerem o anúncio, decoram o meu site! SIM, SÓ GOSTO DA FODA DESTES, OS OUTROS SÃO MERAS FODINHAS.
Enfim, me convidou para um happy hour e me recusei a ir, afinal estava lendo. Hoje, às 17 h ele traria uma espumante ou vinho para nos soltarmos, pois, como bom cliente "mimimi fode mal" ele precisava "criar intimidade".
A tarde, após café e leitura de Carl Rogers resolvi contatá-lo no celular com whatsapp, vez que ele só me ligou! Misericórdia: um ancião, mas não só, pele mal cuidada, dentes idem! 
Nada tenho contra IDOSOS CAPRICHOSOS, BONITOS, CHARMOSOS E BEM SUCEDIDOS (DINHEIRO SEMPRE AJUDA NA CONSERVAÇÃO), MAS ELE ME REPUGNOU. 

Então, lá fui com minha primorosa educação:



NÃO TENHO NADA CONTRA VELHOS EM QUE PESE O CLIENTE MAIS VELHO QUE ATENDI TIVESSE 60 ANOS E FOSSE UM CHARME GOSTOSO! Mas vejo outros mais velhos e tesudos, charmosos, cheirosos, cuidados, pele gostosa e excitante.

MAS, SE EU NÃO TIVER TESÃO, NÃO ATENDO!

E não, não coloco isso no anúncio do site! Homem feio e idoso tem que saber que é feio e idoso e mostrar foto pra ver se a acompanhante topa. Existem IDOSOS LINDOS, TARADOS E GOSTOSOS, ora!

Tiozões e vovozinhos, sentem aqui: prostituta de rua costuma topar tudo e chupar de tudo, garota de programa mente que cobra R$ 700,00 na televisão e no salão de beleza, mas sai por R$ 300,00 fazendo "pograma" de exibicionismo vulgar em lobby de hotel.

Acompanhante de luxo é de LUXO: do Q.I ao perfume, da classe ao bom gosto, da inteligência à seletividade, não pode bancar na cama, no bolso e no luxo? Não procure, mas aprenda que uma coisa é ter R$ 1.200,00 para duas horinhas comigo, outra muito diferente é eu aceitar sua companhia.

Estou aqui porque AMO SEXO, mas não perco a dignidade em troca de dinheiro não, senhor! Retome 1000 casas e recupere a dignidade e o respeito humano, pária!

Ah, gente, depois algum filho, irmão e, em último caso, neto do vovô se sentiu ofendido com um erro, não ego, crasso de português da minha parte, pois estava digitando rápido, vejam que dó, um acento errado fez o "omi" de, provavelmente, pintinho afogado da própria urina, se erigir contra mim: 


Tadinho do SZUKOV!


Tão irresignado por um erro by iphone, deve estar se embriagando, estudando gramática, comendo a esposa por obrigação ou batendo uma bela punheta pensando em mim no banheiro! 

Querido, eu entendo os teus problemas, mas na próxima procure um terapeuta, um sexólogo e, ANTES DE TUDO, PARE DE ME SEGUIR NO INSTA, porque eu não sei e nem quero saber quem é o brocha por trás das menções brochantes. Obrigada!

Beijos de luz!

Cláudia de Marchi
Brasília/DF, 13 de novembro de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário